União

30-novembro Espiritual

“Oh! Como é bom e agradável viverem unidos os irmãos!” Sl. 133.1

Deus capacitou pessoas com dons e características diferentes, que não foram feitas para criar grupos separados de pessoas e sim, grupos de pessoas que se completam.

Em todos os grupos esse entendimento é determinante, desde o casamento até o ambiente de trabalho e é importantíssimo na união de uma igreja.

Nós, cristãos, chamados por Paulo de corpo de Cristo, devemos aprender que nossos dons são importantes para o corpo, ainda que não sejamos tão reconhecidos por isso, e principalmente aprender a valorizar o trabalho e o talento de quem não tem as mesmas qualidades que nós, sabendo que toda parte do corpo é fundamental para uma vida saudável.

Devemos entender que se uma parte desse corpo sofre, todo o resto sofre junto logo, é primordial que as partes em condição se empenhem em cuidar da parte com necessidade, sabendo que todos temos necessidades e precisamos do próximo em alguma área da vida, nesta teia contraída por Deus, onde todos são carentes e importantes em algum momento.

Oremos neste dia, como corpo de Cristo, para que Deus nos  dê condições de identificar e ajudar as partes de nós que sofrem, para que possamos entender como é bom e agradável que vivam unidos os irmãos

Antônio Corrêa da Silva